porto velho - ro, 12 Setembro 2019 19:57:52
    Diário da Amazônia

    DNIT se tornou um antro de corrupção que corrói o Brasil

    O rally da pecuária Se há uma realidade entendida com grande amplitude e sem controvérsias verificadas em outros setores é a da..

    A-A+

    Publicado: 07/08/2019 às 09h41min

    O rally da pecuária
    Se há uma realidade entendida com grande amplitude e sem controvérsias verificadas em outros setores é a da pecuária brasileira. Além das ações nem sempre perfeitas, mas importantes na esfera governamental o alcance da visão real sobre a atividade está na contribuição amplamente reconhecida do Rally da Pecuária.
    Ao percorrer as regiões produtoras do país visitando fazendas, o RP promove uma troca de informações que beneficia a todos. Na jornada pela Amazônia, a expedição viu que Rondônia é o próprio rally. Embora seja o 13º Estado em área territorial e o 23º em população, possui o sétimo maior rebanho, participa com 8% do abate e suas exportações de carnes avançaram mais de 30% no primeiro semestre. Não é pouco frente ao baixo astral de más notícias que inunda o Brasil de pessimismo.
    Considerando que no país 20% dos pecuaristas já produzem mais de 18 arrobas/hectare/ano e em Rondônia sejam só 15%, a pecuária regional tende a se beneficiar do Rally da Pecuária por conta do fatores centrais que o motivam: direcionar o uso da tecnologia para o aumento da produtividade e impactar a rentabilidade das criações.
    A expedição deixa experiências exemplares e também aprende muito. É uma interação que permitirá ao Brasil sentir novos avanços a cada rodada.
    …………………………………………….
    Rever amigos
    A comemoração alusiva ao 36º aniversário da Constituinte de Rondônia foi uma ocasião dos ex-parlamentares estaduais encontrarem ex-colegas e amigos já que todos os ex-deputados foram homenageados pela Casa de Leis. Da primeira legislatura, eleitos em 1982, na primeira eleição geral do estado (menos para governador) a maioria dos constituintes já foi para o andar de cima deixando saudades.

    A Carta Magna
    Entre tantos constituintes que já nos deixaram e com participação expressiva na elaboração da Carta Magna rondoniense estão os deputados Jacob Atalah, Walderedo Paiva, Jô Sato (Colorado do Oeste), Amizael Silva, Cloter Mota, Arnaldo Lopes Martins (Vilhena), João Dias Vieira (Ouro Preto do Oeste), Zuca Marcolino e Ronaldo Aragão (Cacoal), entre tantos.

    Antro de corruptos
    O Dnit em suas regionais vai se revelando um grande antro de corruptos gerando rombos milionários no erário público com a rapinagem de empreiteiras associadas aos políticos. Em Minas Gerais foi descoberto um rombo de R$ 500 milhões. Em Rondônia o órgão – agora sob tutela do Amazonas – tem nova direção para tentar moralizar as coisas. Mas com a indicação de políticos demora…

    Pior temporada
    Porto Velho e região enfrentam a pior temporada de fumaça dos últimos anos causando sérios transtornos para a população além de reafirmar o aumento do desmatamento negado por Bolsonaro, com tantas queimadas. Os idosos e as crianças estão pagando o pato pela volupia do capitalismo selvagem na Amazônia. Urge São Pedro mandar uma chuvinha para amenizar a fumaça e poeira.

    Amazônia em chamas
    O vizinho estado do Amazonas já esta em estado de emergencia pelas queimadas na região metropolitana de Manaus e na região sul do estado. O município de Apuí, colonizado por migrantes rondonienses na década de 90 é o detentor do maior numero de focos de calor em relação aos demais municípios amazonenses.

    Via Direta
    *** Uma onda de feminicídios varre o País, mas algumas regiões, como a do Nordeste, o percentual tem aumentado ainda mais *** A Assembleia Legislativa reabriu os trabalhos do segundo semestre mirando soluções para a alta da energia, a redução de taxas do Detran, problemas de estradas, etc *** O ex-deputado estadual Airton Gurgacz (PDT) visitou lideranças na terça-feira capital e participou das festividades dos 36 anos da Constituinte de Rondônia *** Acredita-se que fumaceira em Porto Velho recebe “reforços” das queimadas da Bolívia, sul do AM e MT.



    Escreva um comentário